V Feitiço - Rescaldo



Tudo começou quando despertámos as corujas para que percorressem o país entregando mensagens de regresso e com a promessa de muita magia para as nossas queridas Anciãs. Pelo caminho estendemos o convite a 4 tunas que queríamos ter a honra de receber na nossa cidade. Uma das nossas corujas apanhou uma corrente do Sul e trouxe com ela a TUFES – Tuna Teminina Scalabitana e a Feminina – Tuna Feminina da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa. A outra seguiu para Norte e trouxe no seu regresso a Cientuna – Tuna Feminina de Ciências da Universidade do Porto e a Vibratuna – Tuna Feminina da UTAD.

Enquanto as corujas deambulavam com os ventos, bruxas e feiticeiras reuniram todos os ingredientes para o grande Feitiço. Entre tirar o pó às varinhas, limpar os castiçais, convocar os morcegos e explorar os recantos do nosso castelo assustador, ocorreram muitas outras tarefas para que no dia 6, tudo estivesse pronto para a chegada de todos as convidadas.

Sexta-feira, 6 de Março de 2015, com a lua cheia como pano de fundo, a nossa grande família deu as boas-vindas às tunas. As festividades iniciaram-se com a festa de Warm-up do V Feitiço no Bar Académico com muita animação, boa música e muita queimada à mistura havendo ainda espaço para uma chouriça ao luar.

Sábado o dia começou cedo, o caldeirão saiu da dispensa para preparar uma refeição apetitosa para todos os convidados no nosso salão principal (o B.A.). Com a ajuda das nossas varinhas e do grande livro dos Encantos preparámos uma tarde de magia e muita diversão para as tunas pelas ruas da nossa querida cidade de Neve. O Passacalles teve, então, inicio no Bar Académico, passando pelos Leões da Floresta, Escadaria de Santo André, Skyline e terminando na Faculdade de Ciências da Saúde onde decorreu o jantar.

O espetáculo principal teve lugar também na FCS – Faculdade de Ciências da Saúde, onde a magia se perpetuou pela noite adentro. Para dar inicio a este nosso Feitiço contámos com uma actuação especial das nossas Anciãs que interpretaram uma música que remonta aos primórdios da EncantaTuna, o "Cantar de Estudante" (da TMUC) e nos prepararam uma pequena surpresa musical com um novo Medley de Rock Português.




Seguiram-se as actuações das tunas a concurso que nos brindaram com as suas belíssimas e bem dispostas participações sempre no espirito mágico que caracteriza o nosso Feitiço. A cada uma das tunas foi dado um desafio musical que consistia na adaptação de uma música à sua escolha ao tema do festival, "Magia Pelo Mundo". Assim, à primeira tuna a concurso, a Vibratuna, incorporou de forma extremamente criativa a magia Asiática na sua actuação. A esta seguiu-se a Cientuna, a quem foi atribuída a bruxaria do continente Europeu. A terceira actuação da noite foi d'A Feminina, que teve como desafio a incorporação da magia do continente Africano. As actuações das tunas a concurso foi encerrada pela TUFES com um cheirinho da feitiçaria na América.

A estas seguiu-se a actuação dos "Irmãos da Rita", uma banda de Figueiró dos Vinhos que brindou o Feitiço com as suas interpretações acústicas de músicas rock, pop e jazz.



Já a noite ia longa quando subimos ao palco para encerrar esta noite de música e de magnificas actuações. Iniciamos a nossa actuação com o a nossa adaptação do tema dos Entre-Aspas "Criatura da Noite" aos quais se seguiram o tema de Solista, "Infante" e o "Hino à EncantaTuna". Além destes estreámos, nesta ocasião especial que é o Feitiço, o nosso novo tema Instrumental e a nossa adaptação da Canção do Engate de António Variações.

Nesta noite quisemos homenagear e agradecer ao Augusto Domingues por todo o apoio e ajuda prestadas ao longo deste tempo, incluíndo-o na nossa família como o mais recente Mentor Honoris Causa. 

A esta pequena homenagem seguiu-se a entrega dos prémios que, segundo a deliberação do júri, decorreu da seguinte forma:

Melhor Tuna: A Feminina 
Tuna + Tuna: Cientuna 
Melhor Original: TUFES 
Melhor Instrumental: A Feminina 
Melhor Solista: TUFES 
Melhor Pandeireta: Cientuna 
Melhor Porta-Estandarte: A Feminina 
Melhor Passa-calles: Vibratuna 
Tuna+ Público: A Feminina 
Melhor Adaptação ao Tema: TUFES 
Melhor Desafio Musical: Vibratuna 
Melhores guias: A Feminina


A festa continuou no Bar Académico e durou até ao nascer do primeiro raio de sol e o mar da Covilhã presenteou-nos com a sua tão saudosa beleza.


Queríamos começar por agradecer ao público presente neste nosso V Feitiço, uma parte essencial nesta nossa existência, e é para vocês que trabalhamos sempre mais e melhor. Gostaríamos de agradecer a todos os elementos do Júri: Luís Tavares, Acácio Barbosa, Francisco Machaz, Professora Isabel Ismael e Ricardo Silva. Queremos também deixar um obrigada muito especial a todos os Guias que acompanharam e apoiaram as tunas durante o Feitiço e a todos os colaboradores pela ajuda indispensável neste dia tão atribulado.

Gostaríamos de agradecer a todos os patrocinadores que apoiam a realização deste evento e sem os quais seria impossível a sua concretização, particularmente ao GRP, à AAUBI e à Universidade da Beira Interior. Deixamos uma nota especial ao administrador Dr. Vitor Mota, à nossa Mentor Honoris Causa Isilda Aguilar e à D. Lucinda e à D. Fátima da confecção da UBI por toda a ajuda com a execução de diferentes faixas decorativas.

Como não poderia deixar de ser, queremos deixar um agradecimento muito especial a todas as tunas a concurso, uma parte vital do festival, e deixar votos que nos encontremos brevemente.

Sem comentários: